Ferramentas eléctricas essenciais para ter em casa

Publicado em 30 de Janeiro de 2009 por  

electric_drill_head_and_bitHá algum tempo atrás publicámos um artigo com as ferramentas essenciais para ter em casa. Desta vez vamos debruçar-nos apenas sobre as ferramentas eléctricas mais usuais. Iremos abordar o berbequim, a aparafusadora eléctrica,  a serra tico-tico ou serra de recortes, a lixadora e a pistola de cola quente.

- Berbequim eléctrico – É talvez a ferramenta eléctrica mais indispensável em casa. Quando precisamos de fazer um furo para um quadro, cortinados, candeeiros ou pequenos apliques torna-se essencial. Pode ser uma ferramenta perigosa, por isso há que ter algum cuidado e seguir algumas normas de segurança: segurar bem sem tapar os locais de ventilação, adequar as rotações ao material quando possível, tentar evitar locais onde há grande probabilidade de passar um tubo de canalização ou cabos de electricidade, apertar bem a broca antes para que não se solte durante o trabalho.

O berbequim eléctrico permite ainda outros adaptadores para além das brocas, é o caso de algumas peças para desgaste de materiais ou de misturadoras para tintas. Há berbequins que incluem um selector “martelo” que permite uma acção de maior impacto, especialmente útil para furar betão ou granito.

Com um berbequim e as brocas adequadas é possível furar betão, alvenaria, madeira, metais, ferro, plásticos. Para isso há que escolher bem a broca adequada, sugerimos que veja os vídeos que temos no nosso videoblog sobre os vários tipos de brocas.

- Aparafusadora eléctrica – As aparafusadoras eléctricas têm são normalmente acompanhadas de uma bateria, para que não seja necessário ligação de cabos durante o trabalho. Algumas, com maior potência têm ainda a função de berbequim, podendo ser seleccionada a velocidade de acordo com o fim pretendido.

Se já necessitou de aparafusar muitos parafusos de uma só vez esta ferramenta poderia ter feito a diferença. Por exemplo, na montagem de móveis que vêm totalmente desmontados ou na montagem de prateleiras, onde o número de parafusos é enorme, o cansaço e o tempo gasto é muito menor. Tem ainda a vantagem de poder ser utilizada com vários adaptadores de acordo com o parafuso usado.

- Lixadora eléctrica – Esta é uma ferramenta muto útil quando necessitamos de lixar grandes superfícies. Evita tempo e esforço, permitindo um trabalho mais homogéneo. È aconselhada para superfícies lisas tais como chão, portas, janelas. O seu uso é simples, bastando adquirir lixas com o formato da máquina que vai usar, ou então partir de folhas de lixa normais e cortar de acordo com o tamanho da máquina.

- Serra eléctrica (tico-tico) conhecida ainda por serra de recortes – Esta é uma serra eléctrica bastante útil para cortes de madeira, plástico e até de metal. As lâminas de serra permitem cortes com curvas sendo assim uma serra versátil para qualquer tipo de trabalho. As lâminas devem ser usadas de acordo com o material a cortar.

- Pistola de cola quente – O seu uso pode ser diversificado, mas habitualmente é usada para colar cabos de TV, áudio ou telefone de forma a que não fiquem soltos pela casa. Deve ser utilizada apenas quando já está bem quente, mantendo a uniformidade ao longo da colagem, de modo a evitar zonas de excesso ou ausência de cola. Normalmente as pistolas de cola quente mais baratas acabam por não compensar, já que nem sempre aquecem de forma uniforme e constante. A cola é vendida no formato de tubos que se colocam durante a utilização.

Ferramentas essenciais para ter em casa

Publicado em 30 de Dezembro de 2008 por  

toolsNeste artigo iremos apenas falar de ferramentas não eléctricas que todos devemos ter em casa. As ferramentas eléctricas serão abordadas em futuros artigos.

Há pequenas ferramentas que se podem revelar bastante úteis e se ainda não as tem está na hora de as adquirir. Por vezes uma boa caixa de ferramentas pode comparar-se a um kit de primeiros socorros, pois pode “salvar” algumas situações domésticas, embora por vezes só sentimos a sua necessidade quando realmente necessitamos.

Mas antes de pensar em ferramentas deverá ter uma caixa para as ferramentas. Pode ser uma caixa pequena se apenas pretende ter o essencial. Normalmente estas caixas de ferramentas já vêm com os espaços necessários a uma boa organização.

Vejamos então uma lista possível:

- Fita métrica – Este é um instrumento essencial a ter em casa sempre que precisamos fazer remodelações, colocar novos mobiliários ou electrodomésticos. Será ainda útil para as pequenas reparações do dia-a-dia. Recomendamos uma fita métrica de cinco metros.

- Alicate – Ter um alicate universal é indispensável. É o tipo de alicate mais completo, fornecendo a possibilidade de aperto e de corte. Deverá estar revestido com material isolante. Por vezes há situações em que precisamos de mais do que um alicate, ou onde se torna necessário usar um alicate diferente. Assim se possível poderá ainda adquirir um alicate de pontas. Para conhecer melhor os vários tipos de alicates poderá ver o vídeo  Tipos de alicates colocado no nosso blog de vídeos.

- Chaves de fendas ponta chata e Philips (ou estrela) – Normalmente utilizadas para parafusos devem ser adquiridas em vários tamanhos. Recomendamos pelo menos três tamanhos de cada uma destas chaves. Para conhecer melhor os vários tipos de chaves poderá ver o vídeo  Tipos de chaves colocado no nosso blog de vídeos.

- Busca-pólos – Esta ferramenta, normalmente na forma de chave de fendas é útil em pequenos trabalhos eléctricos para detectar corrente eléctrica.

- Lanterna de pilhas – Não serve apenas para quando “falta a luz”, por vezes há locais menos iluminados. Quando desligamos a corrente eléctrica para alguma reparação esta ferramenta é essencial.

- Chave inglesa – Muito útil em algumas reparações na canalização ou para aperto de parafusos e porcas de formato hexagonal. Existem modelos reguláveis que se podem ajustar a diversos tamanhos e existem chaves de tamanho único, que normalmente se podem adquirir em conjuntos.

- Martelo – Mais uma ferramenta indispensável. Para o uso comum recomendamos um pequeno martelo de orelhas ou de pena. Pode conhecer melhor os vários tipos de martelos com o vídeo Martelos, muitos martelos colocado no nosso blog de vídeos.

- Pequenas serras para madeira e ferro – É algo muito útil quando necessitamos de cortar superfícies metálicas ou de madeira. Normalmente as pequenas serras de metal trazem um punho de plástico onde se podem ir colocando as folhas de serra, conforme for necessária a sua substituição. A serra para madeira tem uma folha de maior largura e por vezes vem acompanhada de um pequeno objecto de madeira que permite fazer os cortes de forma mais perfeita ou em esquadria.

- Nível de bolha de ar – Útil para verificar a horizontalidade quando se coloca uma nova prateleira, um quadro ou um aplique. Apesar de existirem vários tamanhos, para as pequenas utilizações do dia-a-dia basta um com cerca de 40 centímetro de comprimento. Pode ainda ser útil na colocação de móveis, electrodomésticos e loiças sanitárias.

- Fita isoladora e fita vedante – As fitas isoladoras podem ser utilizadas em trabalhos eléctricos ou para pequenos remendos (eléctricos) que devem ser preferencialmente temporários. As fitas vedantes são usadas na canalização, principalmente quando há uma fuga de água junto da junção de dois canos ou na ligação às torneiras. Este tipo de fita tem vindo a substituir o linho usado para este fim na canalização.

Por fim, pregos, parafusos, buchas e anilhas são também materiais que devemos ter na caixa de ferramentas. Normalmente podem ser adquiridos em pequenas quantidades e de preferência de vários tamanhos.

Já tem a sua caixa de ferramentas? Tem outras sugestões úteis? Contribua no espaço para os comentários.

Blog Widget by LinkWithin